Jovem de ascendência quilombola em Sergipe conquista 1º lugar em medicina

 Jovem de ascendência quilombola em Sergipe conquista 1º lugar em medicina

Estudante descendente de quilombolas é aprovado em primeiro lugar em medicina na UFS — Foto: Seduc

O estudante sergipano de ascendência quilombola, Williston Augusto de Jesus Augustinho, 18 anos, conquistou o primeiro lugar em Medicina na Universidade Federal de Sergipe (UFS).

Filho de agricultor e professora, morador do município de São Miguel do Aleixo, ele conta que a mãe, primeira pessoa da família a conseguir um diploma de ensino superior, influenciou bastante na vida dele. “Ela sempre dizia que através da educação é que a gente iria melhorar de vida, foi assim com ela. Vi nos estudos, e também na medicina, uma forma de melhorar ainda mais a minha vida e a da minha família”, disse Augusto.

Ele acredita que o feito alcançado pode influenciar outras pessoas das comunidades de ascendência quilombola a buscarem mais o estudo. “Eu acho que agora eu sou um exemplo. Isso vai dar energia e força para a comunidade buscar uma melhor qualidade de ensino e de vida”, enfatizou.

Segundo o estudante, a participação dele na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas, ajudou-o a garantir bolsas de estudos do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica aos estudantes de Ensino Médio (PibicJr), que contribuíram para a sua bagagem educacional. Já o gosto pela medicina veio através do aprendizado com uma professora de química e da facilidade nos estudos com as Ciências Humanas e da Natureza.

Aluno do Centro de Excelência Miguel das Graças, ele afirma que o estudo integral fez a diferença para alcançar a meta de ser aprovado em um curso tão concorrido. “Sem dúvida me ajudou bastante! Sem ele eu não conseguiria alcançar esse feito. Fomos a primeira turma a ter o ensino médio integral e acho que fui bem”, finalizou Williston.

Por G1 SE

Posts Relacionados